A qualidade de vida como negócio

A saúde nunca esteve tão em pauta. Cada dia mais, as pessoas se preocupam com a qualidade de vida, de olho na longevidade e no bem-estar. Se de um lado a alimentação e os cuidados essenciais, como exercícios periódicos, entraram em pauta no dia a dia, por outro, o cotidiano pode trazer dores pelo corpo, com cadeiras pouco ergonômicas, sofás muito confortáveis ou até mesmo excesso de academia.

Preparado para diagnosticar e cuidar destes casos, o Fisioterapeuta tem à frente um grande mercado, que vai desde a prevenção no ambiente de trabalho aos tratamentos de atletas de alta performance com lesões. Cuidar do corpo também pode virar um bom negócio.

O profissional encontra um vasto campo de atuação. Os fisioterapeutas podem atuar tanto em clínicas, hospitais e consultórios, com a recuperação de lesões, à prevenção dentro da saúde coletiva, em programas institucionais, na fisioterapia funcional nas empresas ou vigilância sanitária.

Nos últimos quatro anos, a população com mais de 60 anos aumentou 16% no Brasil.  Ampliando ainda mais um mercado já em expansão, o home care.

Entre as áreas com maior procura está a fisioterapia desportiva, voltada para a prevenção e o tratamento e recuperação de lesões de atletas. Outro setor que cresceu nos últimos anos é a Fisioterapia Neurológica, para o tratamento em pessoas com lesões no cérebro, de forma minimizar os impactos das limitações no cotidiano do paciente. Além disso, os fisioterapeutas têm encontrado um grande mercado no Pilates. Com seus exercícios de baixo impacto, essa prática foi adotada por muitas pessoas que não gostam de fazer aquelas tradicionais práticas esportivas, como em academias tradicionais.

Mas para atuar nestes novos mercados, é preciso que o profissional se manter atualizado.

Para atender à essas demandas, o Unifemm Business School (UBS) está com as inscrições abertas para a pós-graduação em Fisioterapia Ortopédica e Biomecânica do Movimento Humano. Ao aliar a teoria à prática, o curso conta com um grupo de professores de vasta experiência científica e clínica, em sua maioria mestres e doutores. “Através do curso, o fisioterapeuta poderá ampliar os seus conhecimentos e compreensões da avaliação, tratamento e prevenção das lesões ortopédicas”, afirma o coordenador da pós, Cláudio Marcos Bedran de Magalhães.

Com aulas quinzenais, o curso terá a duração de 400 horas. Ex-alunos do UNIFEMM, assim como associados da ACI têm descontos especiais no investimento. Para se inscrever, o candidato deve acessar o endereço www.unifemm.edu.br/pos-graduacao.